Feeds:
Posts
Comments

Posts Tagged ‘cine joia’

THESE ARE ONE OF THOSE TIMES WHEN WE’RE GONNA HAVE A LOT OF FUN

Cine Joia. Quinta-feira. Um dia que poderia ser como qualquer outra quinta-feira: sem nada de extraordinário, exceto que, o que por um breve momento eu não sabia, eu estava prestes a entrar e presenciar o melhor show da minha vida.

Toda minha vida musical pode ser definida da seguinte forma: antes do show do Foster the People e depois do show do Foster the People. Sério, se você estava lá, você sabe muito bem do que eu estou falando, toda a energia que Mark, Pontius, Cubbie, Sean e Isom transmitem não pode ser sentida por nenhuma outra banda.

Mesmo com um atraso de quase uma hora, o Foster the People subiu no palco e toda essa raiva passou bem rapidinho, começando com “Houdini” e passando por todas as músicas do Torches, primeiro disco da banda, Mark fez firula, sentou na marquise, perdeu a aliança, fez sua famosa dança do ombrinho, riu, falou que foi o melhor show dele, ficou embasbacado, besta, estonteado com toda a energia que só o Brasil tem.

Os pontos altos do show não poderiam ser outros que não “Helena Beat”, “Call It What You Want”, “Don’t Stop” e as emocionantes “Waste” e “Miss You”. Depois, no encore, não poderia ser diferente e nada menos emocionante: Mark pede pelo silêncio da platéia que até agora estava em êxtase e fazendo um singalong incrível em todas as músicas, era a hora da tocante “Ruby” e a emoção atingir picos de alegria e a novíssima música que eles vêm tocando na turnê da América Latina e, para uma primeira impressão, essa nova música é bem bacana e destoa bastante do Foster the People que conhecemos, esqueça um pouco os synths, eles estão indo para um lado mais piano wannabe.

E, ao invés de sermos agraciados com singelas 13 músicas [o que aconteceu em todos os shows solo dessa turnê latina], Mark tocou uma a mais só pra gente. E com o ego lá em cima, depois de sermos extremamente elogiados e termos impressionado o Mark de um jeito, nada melhor do que acabar com o remix de “Pumped Up Kicks” totalmente impressionante e ir pra casa com o corpo lavado do suor de uma noite incrível. E pra finalizar, só preciso dizer uma coisa: tenho certeza que esse foi o melhor show da minha vida e, sem dúvida, o melhor da vida deles. Quero mais.

Por Henrique Amorim (@YouMeDancing).

Read Full Post »